“Pra explodir junto no fim” – playlist da Monique Maion

by: Carol Teixeira -

Ia começar a escrever aqui sobre minha amiga Monique Maion e lembrei de uma frase da Anais Nin, escritora que eu e ela adoramos. Anais disse sobre Henry Miller: “Ele é como eu, uma pessoa a quem a vida embriaga”. É isso. Monique está entre o seleto grupo dos que se deixam ser embriagados pela vida. Cantora e compositora, está agora morando em Los Angeles, só voltando para o Brasil para pequenas turnês (acabou de voltar da terceira).

 

E o que ela está fazendo lá em Venice Beach? “To gravando disco novo, tocando na praia, fazendo trabalho voluntário com os artistas de rua, finalizei um livro de poesia e  iniciei finalmente a polêmica auto bio sem censura.” Buena onda…

 

Já avisei que esse ano ainda vou lá pra causar bastante com ela e marcar presença nessa bio sem censura! Por enquanto, curtam aqui o playlist da Monique com as top five músicas pra sexo. E ela avisa: “Aposto no sexo com dinâmica sempre portanto achar o bpm correto é essencial para mim.”

 

 

1 – Halina Frąckowiak – Idę dalej
Polish Funk de 1974, gosto dessa vibe para boas preliminares. Lap dances, sexy moves, ótima música para tirar uma peça por vez.

 

2 – Morphine – Early to Bed
O ego é afobado demais, ele vai pra cama antes da hora, curte muito pouco o estágio sensível da pele, para domar o crocodilo e prezar por uma “gozada duradoura”.

 

3 – The Soul Agents – Foxy Lady (Instrumental)

Clássico, sem palavras.

 

4 – Los Yorks – Abrazame Baby
Rock psicodélico Peruano de 1968 para explodir junto no fim.

 

5 – Camille Yarbrough – Take Yo Praise
Celebrando a Kundalini, energia que gera vida e cura, um mantra para meditar e observar os ciclos ativos no corpo com afirmações de respeito e amor incondicional.

(Pra ouvir é só clicar nos nomes das músicas). 😉


Comments